Fazendo chuca no banho

Chuca: Saiba o que é, como e porque fazer.

Cá entre nós, o sexo anal ainda é um tabu, tanto na prática quanto nas rodas de conversa, ninguém sabe muita coisa e também não falam muito sobre o assunto, geralmente por vergonha … Mas uma coisa é certa: Todo mundo tem uma certa curiosidade, tanto homens quanto mulheres.

Para você que quer saber um pouco mais sobre o assunto, nós trouxemos algumas dicas, informações sobre artigos de sexshop e instruções de especialistas para falar sobre uma parte fundamental: A Higiene!

ACOMPANHE NOSSO BLOG E RECEBA CUPONS DE DESCONTO E PROMOÇÕES

O primeiro sexo anal e a higienização.

Para início de conversa, para um sexo anal sem complicações é preferível que seja feito (ainda mais pela primeira vez) com alguém que você tenha intimidade, não simplesmente por ser anal, mas porque pode gerar situações delicadas. Há 4 regras fundamentais para iniciar a prática: É preciso calma, cuidado, lubrificação e antes de tudo isso, higiene.

Ah, a higiene é uma dádiva, meus caros! Se você já teve o azar de se relacionar com alguém que não estava com a limpeza íntima em dia (notável pelo odor), sabe do que estou falando, não é mesmo? Não somente pelo odor, mas também por saúde, regiões íntimas devem estar sempre muito bem limpas. Área úmidas e quentes quase o tempo todo são os lugares perfeitos para a proliferação de bactérias, então, não dê brecha.

Mas e a chuca. O que é?

Muito bem… Chuca, judite, duchinha ou mangueirinha são alguns nomes populares para um procedimento chamado Enema, que nada mais é do que uma lavagem anal (limpeza da parte interna do ânus) com líquido, que pode ser água ou líquidos específicos para isto.

Claro que faz parte do banho limpar o ânus, mas quando estamos falando de sexo anal, onde haverá penetração, a limpeza precisa ser literalmente mais profunda para que não corram o risco de uma situação deselegante, se é que nos entendem.

Quando fazer chuca?

No dia que você decidir praticar o sexo anal, a chuca deve ser feita horas antes da relação. Detalhe que neste dia, não é aconselhável comer nada que solte o intestino, o indicado é comer quaisquer coisas que segurem tudo lá dentro um tempinho.

Um ponto importante: a limpeza deve que ser feita depois que você já foi ao banheiro defecar, não tente fazer antes. Force um pouquinho, se preciso, mas a chuca se faz depois de fazer o “número dois”, sem mais.

Como fazer a chuca?

Uma das soluções que algumas pessoas recorrem é o uso do chuveirinho, porém, por não conseguir controlar o fluxo de água, pode acabar entrando uma quantidade muito grande e esta poderá se alojar em uma parte superior do seu trato gastrointestinal, desta forma por mais limpo que seu ânus esteja, durante o sexo pode acontecer acidentes devido a liberação da água.

Existem produtos criados especificamente para a limpeza anal (ducha anal) e estes possuem uma bomba macia para coletar e ejetar a água na quantidade ideal, além de apresentarem um tubo flexível que respeita as curvas do corpo evitando que você se machuque com o procedimento. Após injetar o líquido, vá até um vaso sanitário e despeje a água, que já sairá com resíduos do intestino. Esse processo deve ser feito umas 3x para garantir a limpeza, mas termine quando ver que a água está saindo realmente limpa.

Novidade nos Sex Shops

ducha anal
O In-M é uma ducha anal higiênica descartável para injeção de água ou soluções medicamentosas nas regiões íntimas, indicada ainda na prevenção e tratamento de pacientes com moléstias, prisão de ventre e como auxiliador na preparação de exames clínicos. In-M também é recomendado para higienização pré-relação sexual, ele é um novo tipo de chuca, descartável e totalmente higiênica.

Clique e conheça mais sobre a ducha anal In-M ou veja alguns outros tipos de duchas anais.

Precauções

Não podemos deixar de comentar que este tipo de limpeza não é recomendável que seja feito com muita frequência, pois pode afetar a flora intestinal.

O uso de laxantes antes do sexo anal é extremamente desaconselhável, pois estes além de fazerem muito mal a flora intestinal também irão desregular todo seu ciclo, tornando muito difícil depois de recuperar a curto prazo a rotina saudável de defecar.

É indispensável o uso de lubrificante anal para que você tenha um sexo anal prazeroso e se possível sem dor, principalmente nas primeiras vezes, e para isso um dos lubrificantes mais eficientes e mais vendidos em todos os sex shops do Brasil é o lubrificante anal Luby Facilit, devido a sua eficiência, este é recomendado tanto por praticantes e quanto por sexólogas.

Dica importante: A temperatura da água não deverá estar nem muito quente, nem muito fria, buscando sempre a temperatura mais próxima do corpo, para evitar possíveis problemas intestinais.

E por último, lembre-se sempre de utilizar preservativos.

Caso tenha curiosidade, fique à vontade para seguir nossas recomendações, mas converse com o seu amor antes. O que queremos passar pra vocês é que o sexo anal é considerado uma forma de explorar a intimida do casal, seja do homem ou da mulher, e isso não compromete a masculinidade, caso você ainda tenha preconceito. Os pontos de prazer próximos ao ânus estão em ambos os sexos, então, porque não experimentar? Vocês podem gostar e a relação pode ficar até mais divertida com uma opção adicional pra sair da rotina!

Por Mariana Lobo especialmente para o blog Eu Faço Aquelas Coisas.

Chuca: Saiba o que é, como e porque fazer. was last modified: Janeiro 21st, 2018 by Aquelas Coisas
Tags :