Massagem depois do sexo: como e porque fazer

Não é novidade para ninguém que fazer massagem pode ser uma ótima forma de iniciar as preliminares e que a massagem tântrica pode potencializar muito o prazer. Mas, você sabe que a massagem depois do sexo pode ser tão boa e importante quanto a de antes e durante? É claro que a massagem precisa ser diferente e tem outro objetivo, mas pode ter certeza que vale a pena.

Quando?

O sexo acabou há pelo menos uns 40 minutos, vocês já se recuperaram de toda a ação, se hidrataram e estão ativos novamente – essa é a hora de começar. Não queira fazer, ou, pior, pedir massagem logo após a transa. Esse é um momento de completo relaxamento e cansaço físico e mental. É necessário um tempinho para que sue corpo esteja pronto, para que a sensibilidade volte ao normal e para que os músculos estejam sob menos tensão.

Como e por quê?

A massagem depois do sexo não vem para excitar, estimular ou proporcionar prazer, ela é uma técnica de relaxamento e recuperação. Obviamente você deve ficar longe das genitais de seu parceiro(a), pois espera-se que tudo o que rolou antes já tenha sensibilizado e exigido muito dessa área. A massagem agora deve ser focada em outras partes do corpo, que são mais suscetíveis a a tensões e exaustão, exatamente com o intuito de ajudar a relaxar e reduzir esse cansaço.

Os movimentos serão muito semelhantes ao da massagem relaxante ou da massagem pós-treino. A mão eve deslizar de forma longitudinal nos músculos, pressionando-os levemente. Segure ao redor dos braços, panturrilhas, mãos, pés e pescoço, sempre mantendo uma pressão confortável ao outro. Massagear a cabeça, no final, também pode ser muito positivo, pois ajuda ajuda a liberar os vasos sanguíneos, aliviando a pressão que fica após uma sobrecarga.

A massagem depois do sexo melhora o próximo sexo?

“Ok, mas o papo aqui não devia ser sobre melhoras no sexo?”. Não se aflija, o assunto também tem tudo a ver com isso. A massagem depois do sexo, além de proporcionar muito relaxamento imediato, pode gerar inúmeros benefícios futuros se realizada regularmente.

Em primeiro lugar porque, como para qualquer massagem pós atividade física, essa ação funcionará como um tratamento. Após a aplicação da massagem, os músculos passarão por um processo de reconstituição mais ágil e menos doloroso e, por consequência, limitarão menos os movimentos. Pouco a pouco, isso faz com que sua resistência física específica para aquela atividade melhore, ou seja, a exaustão física durante o sexo demorará mais para chegar.

Em segundo, a massagem depois do sexo faz maravilhas pela relação dos envolvidos. Essa é mais uma forma de proporcionar boas sensações e de demonstrar cuidado e intimidade. Some isso ao fato de ser um gesto de carinho realizado não antes do sexo, quando ainda há um interesse físico latente, mas depois. Pode ter certeza que a cada massagem o vínculo será ainda mais reforçado, consciente e inconscientemente.

Agora já pode começar a fazer. Massagem antes, durante e depois do sexo, sem contraindicações. Com certeza sua parceira(o) vai gostar muito, ainda mais se você acender um incenso e usar um de nossos óleos. Quem sabe rola até uma retribuição?

Restou alguma dúvida sobre o tema ou sobre nossos produtos? Entre em contato conosco comentando na postagem ou através de nosso site. Teremos prazer em ajudar.

Massagem depois do sexo: como e porque fazer was last modified: julho 29th, 2019 by João
Category : Geral
Tags :