mercado erótico

Quais as novidades no mercado erótico?

O ano novo começou e todos queremos saber: quais as novidades no mercado erótico? O crescimento do setor é uma constante nos últimos anos e deve continuar sendo em 2020. Mas para onde vai esse crescimento? Quais inovações podemos esperar? Quais tendências devem se manter e quais devem cair? Chegou a hora de projetar o futuro. Leia as próximas linhas e descubra o que prometem os próximos capítulos do mundo do sexo.

A internet segue sendo tendência

A internet dominou o mundo e disso ninguém duvida. O impacto disso pode ser visto em todos os setores e o mercado erótico não é exceção. No que diz respeito à cultura envolvendo o sexo, a internet é a fonte de conteúdo. Para se informar, canais de youtube, blogs (como o nosso) e influencers de redes sociais seguem em alta. A indústria pornográfica também se amplia em toda a web, com todos os seus bens e males. Além disso, as redes sociais ainda se destacam com o surgimento cada vez mais frequente de grupos de apoio. Seja para trocar informações, dividir relatos, explorar assuntos ou até mesmo encontrar parceiros.

Olhando pelo lado dos produtos eróticos, a internet também deve seguir em alta. Os e-commerce voltados ao sexo caminham para dominar o mercado. Em parte pela praticidade e pelos preços mais acessíveis e em parte pela discrição oferecida por eles. Outra coisa que colabora com as sex shops online é o ecossistema. Se as pessoas se informam sobre sexo e se divertem com sexo na internet, nada mais natural do que comprar ali mesmo.

A era da informação

E aproveitando o gancho, vamos falar de informação. Sem dúvidas esse é o ativo mais potente do mercado erótico nesse momento. Isso vale para todas as pontas desse negócio. Os comerciantes se tornam referências no assunto para conquistar mais credibilidade. Os produtores de conteúdo exploram os assuntos do momento para dialogarem com seu público. E os clientes e consumidores disso tudo se beneficiam dessa concorrência com conteúdos cada vez mais ricos.

Mas, afinal, essa informação toda é positiva? A expectativa é que sim. Com a melhora na qualidade dos conteúdos e o crescimento do tema, tudo deve melhorar. As pessoas se tornam mais bem informadas, os tabus caem por terra e o espaço para ignorância se reduz. Toda essa mudança deve convergir para uma melhora geral na saúde sexual das pessoas. Continua sendo importante filtrar a informação recebida, é claro. Mas o prognóstico é muito favorável.

Vibradores de clitóris

Se algumas coisas ainda são modernas demais, outras já estão até atrasadas. A importância do clitóris para o prazer sexual feminino está finalmente se difundindo. Cada vez mais mulheres entendem quanto prazer esse órgão pode proporcionar. Assim sendo, nada mais natural do que o aumento da atenção dada a ele. Nesse contexto, os vibradores de clitóris são a grande aposta do mercado erótico para 2020.

Alguns modelos misturam a penetração vaginal com a vibração no clítoris. Outros se dedicam a estimular exclusivamente o órgão externo. Foram lançados recentemente também alguns masturbadores de sucção, que prometem sensações indescritíveis. Seja como for a forma de ação, não faltarão formas de dar atenção ao prazer feminino nessa nova década.

Mercado erótico vegano

Parece brincadeira, mas não é. O veganismo está chegando com força no mercado erótico. Cosméticos que utilizam matéria-prima de origem animal, por exemplo, podem começar a perder força. Além disso, todo o pacote sustentabilidade vem junto. Materiais muito prejudiciais ao meio ambiente devem, aos poucos, ficar de lado. O mesmo vale para substâncias tóxicas. Até embalagens biodegradáveis estão se tornando exigência. A tendência é que, já em 2020, esse público comece a impactar diretamente os resultados de várias empresas.

É maconha que você quer?

Vamos nos manter no assunto green. A maconha é proibida no Brasil e isso não é novidade para ninguém. Recentemente, uma dosagem controlada da planta foi liberada para uso medicinal. Mas essa exceção não deve impactar a vida sexual de ninguém. Apesar disso, não podemos fechar os olhos para o que acontece lá fora. E tem bastante coisa acontecendo. Os primeiros cosméticos sexuais à base de CBD (componente da maconha) já estão no mercado. O lubrificante, por exemplo, já é vendido em diversos países.

Por enquanto, a presença da maconha não é vista como um grande diferencial, mas há expectativas. Em teoria, o CBD pode trazer vários benefícios, a depender do produto em que está. O aumento da circulação sanguínea a área de aplicação do produto é um exemplo. Outra possibilidade é o aumento do relaxamento do usuário. Por enquanto, podemos apenas observar e especular. Mas vale a pena estar preparado para o caso de o Brasil tomar uma atitude mais liberal.

O mercado erótico e a tecnologia

Por fim, vamos para inovações que também são tabus, mas não estão proibidas. A presença da tecnologia em nossas vidas é inevitável, mas até onde ela deve ir? Os mais conservadores torcerão os narizes, mas o sexo não é mais um limite. E não estamos falando de consumo de pornografia ou do desenvolvimento de vibradores melhores. Estamos falando de fato de robôs sexuais.

Os projetos são diversos. O aparelho que pode ser programado para a masturbação ideal. Uma ferramenta que recebe comandos online para viabilizar o sexo à distância. Até mesmo um robô com o qual pode-se transar. Todas essas invenções que tem cara de ficção científica estão em curso e podem, quando menos esperarmos, chegar ao mercado. É claro que nem todos vão ter curiosidade e interesse em conhecer. Mas não custa nada estar informado e ficar de olho em como a  tecnologia pode nos ajudar.

Ansiosos pelo que está por vir? 2020 acabou de começar, mas nós já podemos criar expectativas pelo que está por vir. Agora que você já sabe para onde o mercado erótico está apontando, fica ainda mais fácil. Fique de olho, mantenha-se bem informado(a) e esteja aberto a experimentar. Estamos evoluindo em muitos aspectos e não há porque não aproveitar. Qual das novidades te parece mais interessante? Compartilhe suas opiniões aqui no blog! Vamos inovar juntos.

Quais as novidades no mercado erótico? was last modified: Janeiro 8th, 2020 by João
Category : Geral
Tags :