sexo de longe

Sexo de longe: aprenda a desfrutar

Isolamento é a palavra de ordem no Brasil. O que nos resta então, senão fazer sexo de longe? É claro que ao vivo é melhor, mas dá pra se divertir bastante de longe também. Mas se você ainda não sabe como, fique ligado nas dicas preparadas pelo Aquelas Coisas. Aqui você aprenderá tudo que precisa para deixar a quarentena bem mais excitante. A experiência pode parecer estranha para alguns, mas deixe o preconceito de lado. Se você der uma chance, vai perceber que o prazer não vê distâncias.

Sexo de longe tem longas preliminares

Já que a coisa toda vai acontecer de longe, pra que esperar para começar? Ao longo do dia o casal já pode começar a trocar mensagens. Pode ser tanto num tom mais romântico e carinhoso quanto já mais apimentado. Se vocês gostarem, não há mal nenhum em enviar algumas fotos também. Seja qual for o método preferido de vocês, o importante é criar o clima desde antes. Grande parte do prazer do sexo àde longe está na capacidade de imaginar. Quanto mais expectativa e mais tempo você passar pensando nisso, melhor vai ser a experiência.

Não tenha pressa, mas progrida

Uma dica de ouro para o sexo de longe é deixar a intensidade crescer gradualmente. Uma mensagem carinhosa pode se transformar numa insinuação. Um textinho mais erótico pode ser respondido com um áudio sensual. Uma conversa telefônica durante à masturbação pode virar uma videochamada. Passe pelo máximo de fases possível e deixe isso acontecer de maneira natural. Se você simplesmente ligar por vídeo na hora marcada, vai ser bem mais difícil entrar no clima. Afinal, mesmo o sexo ao vivo não começa com o casal sentado na cama sem roupa. Ele começa quando vocês se cumprimentam com o primeiro beijo.

O diabo mora nos detalhes

Para que o sexo de longe seja realmente interessante, o casal precisa se transportar para ele. A imaginação precisa fluir e, para isso, os detalhes são fundamentais. Escolha as palavras com cuidado. Descreva tudo minuciosamente, sensações, toques e visual. Explore a voz e a respiração ao telefone. E nunca deixe de criar o clima como se ela estivesse com você. Coloque uma música, vista-se de maneira sexy, deixe o ambiente à meia luz, quem sabe até acenda umas velas. Isso é fundamental para seu relaxamento e ambientação. Além do que, se vocês decidirem usar o recurso do vídeo, em que cenário você quer aparecer?

Sexo de longe é masturbação

É claro que a experiência que propomos vai muito além disso. Mas não podemos ignorar o fato de que sexo de longe se baseia em masturbação. Assim sendo, explore seu corpo. Há diversas coisas que podem ser usadas para melhorar seu momento de prazer a sós. Que tal aplicar algumas delas também nesse momento? Para que as coisas sejam intensas, elas precisam ser autênticas. Não se limite a encenar tesão ou prazer para uma câmera, curta o momento. As coisas mais excitantes que podem acontecer no sexo virtual são fruto de sensações reais. Um orgasmo por telefone, você sendo capturada(o) enquanto realmente explora o próprio corpo. É aí que está a graça.

Use objetos para a memória afetiva

O que você tem de sua parceira(o) em sua casa? Deve haver uma peça de roupa, um perfume, ou algo do tipo que te remeta a ela. Que tal usar esse objeto? Não precisa ser de maneira literalmente sexual. Por exemplo, que tal deixar uma lingerie ou uma camisa do outro jogada na cama? Isso pode ajudar a construir o ambiente e a trazer a pessoa de maneira mais vívida à sua memória. Objetos têm o poder de nos levar a lugares diferentes através de associações. Use isso.

Use objetos para algo mais prático também

A outra pessoa não está lá, mas isso não significa que você está sozinha(o). Você pode ter diversos acessórios e brinquedos para te fazer companhia. Aliás, alguns deles são especialmente interessantes para sexo de longe. Que tal, por exemplo, um vibrador que possa ser controlado à distância? Existem muitos modelos que prometem a melhor experiência a dois mesmo quando se está só. Por exemplo,  um dos mais procurados do mundo é o We-vibe chorus. Ele pode ser controlado via aplicativo de celular de qualquer lugar do mundo. Basta conecta-lo ao seu smartphone por bluetooth e ceder o controle a outro celular. Aliás, o próprio aplicativo tem também um chat com texto, áudio e vídeo, para que a relação inteira possa se dar por ali. A tecnologia realmente encurta as distâncias, aproveite.

Sexo de longe é melhor ainda da segunda vez

E da terceira, da quarta, da quinta… Quanto mais vezes você fizer, melhor será, então não desista facilmente. É claro que nem todos vão gostar, mas tente se esforçar para dar mais chances. Conforme os constrangimentos passam e a situação se torna mais normal, fica mais fácil se soltar. O casal também vai aprendendo a se expor e ficar mais vulnerável perante o outro. Isso é fundamental para que a experiência deixe de ser estranha e se torne leve. Aliás, essa evolução tem tudo para ajudar até mesmo em outros aspectos da relação.

E aí, bateu aquela vontade de mandar um zap? Sexo de longe ainda é visto com desconfiança por muita gente, mas quantos realmente tentaram? Não há mais espaço para tabus bobos com sexo e tecnologia. Por que privar-se do prazer? Alguns cuidados são importantes, é claro. Certifique-se de que você está em um ambiente virtual seguro e de que a outra pessoa é confiável. Você não quer vídeos e fotos suas vazados, por exemplo. Mas, solucionado esse detalhe, deixe-se levar. A distância não precisa te impedir de aproveitar. Ah! E vale lembrar, ela também não pode te impedir de obter os produtos que te ajudam nisso. Dê uma passadinha no Aquelas Coisas e divirta-se, você não precisa sair de casa para ter uma vida sexual.

Sexo de longe: aprenda a desfrutar was last modified: Março 30th, 2020 by João
Category : Geral
Tags :